☰ Menu
☰ Menu
Publicidade
ÁRBITROS ATLETAS

Pré-temporada da arbitragem pernambucana prepara árbitros para o início do Estadual

Sob um sol de 40 graus, árbitros e auxiliares são submetidos a uma série de treinamentos na histórica cidade de Olinda

10/01/2018 05:34

Voz do Apito

Sobral em conversa descontraída com a árbitra FIFA, Débora Cecília, que atuou na decisão do Pernambucano no ano passado
Foto: Voz do Apito

Pernambuco – A próxima edição do Campeonato Pernambucano ainda não começou, mas a arbitragem já entrou em campo. Ao longo dessa semana árbitros e auxiliares que atuam na elite do futebol pernambucano serão submetidos a uma série de avaliações visando o credenciamento para as escalas da competição. “É a hora de mostrar preparo, foco e determinação para atender as exigências ao qual somos submetidos”, disse Nielson Nogueira Dias, um dos principais árbitros do estado.

Durante os treinamentos físicos que ocorrem em um estádio no centro de Olinda, nem o sol escaldante típico dessa região do país desmotivou os profissionais. A cada apito dos instrutores um tiro de uma extremidade a outra do campo. Enquanto os árbitros centrais ajustavam sinalizações e se exercitavam, os auxiliares treinavam a lateralidade sob os olhares atentos do ex-assistente da FIFA, Erich Bandeira.

É a primeira vez que o ex-árbitro, Emerson Luiz Sobral comandará o quadro como Diretor de Arbitragem. Em 2016 ele pendurou o apito após receber o convite para substituir Salmo Valentim, ex-chefe da arbitragem pernambucana que deixou o cargo no ano passado para concorrer a cadeira de presidente da ANAF.

Chico Domingos aplica cartão vermelho em Erich Bandeira. A ideia era ajustar a postura dos centrais durante o treinamento
Foto: Voz do Apito

Estimulado a fazer um trabalho que possa revelar novos árbitros, mas que respeite a biografia de cada um independente da idade, Sobral disse que todos que se adequarem ao seu estilo de trabalho terão continuidade. “Temos árbitros e auxiliares de alto nível no quadro e precisamos deles 100% para o início do estadual. Aqui a pressão é grande, mas nós estamos preparados e iremos dar conta do recado. Os que se adequarem à nossa filosofia terão sequência, mas quem não suprir as nossas expectativas obrigatoriamente terá que dar lugar a outro”, contou.

O Comitê de Árbitros da Federação Pernambucana de Futebol é composto por Erich Bartolomeu Bandeira, Francisco Domingos e Emerson Sobral, além da psicóloga Bárbara Gayo e a assistente social, Neide Zaidan. O Campeonato Pernambucano começa no próximo dia 17 de janeiro.